"Importante"

Importante:
Vale lembrar que este blog não pretende de qualquer forma prejudicar bandas, artistas ou gravadoras, pelo contrário o objetivo é sempre divulgar e compartilhar diversão, cultura e educação.

Então se de alguma forma você se sentir prejudicado pelo blog, solicito que envie um email para (progrockcontramao@hotmail) que prontamente deleto o material escrito ou link. O mesmo vale para pedidos e sugestões.

Todos os álbuns aqui postados foram adquiridos de forma legal em vinil ou cd, em lojas especializadas, sebos ou com amigos e sugiro que após ouvir algo que goste procure comprar o original.

Divirtam-se e aproveitem o espaço que é nosso.
Obrigada
Márcia Tunes
---------------------------------------------------------
Important:
Remember that this blog is not intended in any way injure bands, artists and record labels, rather the goal is to always disclose and share fun, culture and education.

So if somehow you feel harmed by blog, please send an email to (progrockcontramao @ hotmail) that promptly delete the written material or link. The same goes for requests and suggestions.

All albums posted here were purchased legally on vinyl or CD, in specialty stores, book stores or with friends and I suggest that after you hear something you like try to buy the original.

Have fun and enjoy the space that is ours.
Thanks
Marcia Tunes

Para os Krautmaniacos



Visite meu novo blog totalmente dedicado ao Krautrock, divirta-se! Curta, comente, compartilhe!

Visit my new blog devoted entirely to Krautrock, enjoy, comment, share!

domingo, 22 de março de 2009

The Story Of I (1976) (Jazz Rock/Fusion)

The Story of

é o primeiro álbum solo da carreira de Patrick, alias um dos seus melhores trabalhos, adoro este disco, acho que foi uma sacada de mestre a introdução de elementos afro-brasileiros no álbum, o disco tem um clima bastante interessante e foi na época uma novidade sonora pra mim, mesmo acostumada a muitos discos de progressivo ousados e com elementos bastante diferentes, apaixonei neste álbum e ele passou um longo periodo em uma de minhas pick-ups (tinha duas na época, adorava mixar minhas gravações em fitas cassetes, o que fazia de mim a dj da hora entre os amigos, hehehe!!). Disco recomendadissimo!

The Story of Original story by Patrick Moraz

1. Impact (3:31)
2. Warmer Hands (3:31)
3. The Storm (0:52)
4. Cachaca (4:07)
5. Intermezzo (2:49)
6. Indoors (3:44)
7. Best Years of Our Lives (3:59)
8. Descent (1:43)
9. Incantation (Procession) (1:51)
10. Dancing Now (4:38)
11. Impressions (The Dream) (2:49)
12. Like a Child Is Disguise (4:05)
13. Rise and Fall (5:34)
14. Symphony in the Space (2:56)


Patrick Moraz - keyboards, vocals, marimbaphone, additional assorted percussions
John McBurnie - lead vocals
Vivienne McAuliffe - vocals and additional lead vocals
Ray Gomez - electric lead and rhythm guitars
Jeff Berlin - electric basses
Alphonse Mouzon - drums (1-7)
Andy Newmark - drums (8-14)

The Percussionists of Rio De Janeiro
Jean-Luc Bourgeois - gongs and tam-tams
Auguste de Anthony - acoustic guitar and additional electric guitars
Jean Ristori - cello and acoustic string bass
Phillippe Staehli - tympanis and assorted percussions
Rene Moraz - tap dance, castagnets
The children of Morat, Switzerland
Veronique Mueller - French and additional vocals

5 comentários:

Roderick Verden disse...

Quando esse disco saiu no Brasil, foi muito bem recebido pela crítica, mas o público, devido a fusão que Patrick Moraz fez do rock com samba e baião, não gostou muito... A Rádio Cultura, de Belo Horizonte, não tocou o disco. Pode até ser meio esquisito a fusão proposta por Moraz, todavia foi interessante e, que eu saiba, novidade, um trabalho inovador. Chega até ser engraçado, no meio de uma parafernália de teclados, ouvirmos: "A sentinela de oxum é de meu pai oxalá". Moraz dá um show nas teclas, tocando todos os teclados dos anos 70. Pra mim, é seu melhor trabalho. Aliás, além desse, gosto do segundo, "Out on Sun"; e só!

Anônimo disse...

Marcia, gosto deste album, concordo com o roderick no que diz sobre o Moraz.

Seu blog é um show, parabéns!

Abraço

Laerte

TAPANOZOUVIDO disse...

Gostaria de deichar aqui o endereço de meu humilde blog, gostaria de sua visita.

Atenciosamente;

Ricardo

http://tapanozouvido.blogspot.com/

Edson d'Aquino disse...

Discaço, Márcia!
Mesmo não sendo chegado em tecladeiras em demasia, pra alguns discos do gênero tenho q bater palmas. E esse é um desses poucos.
}{ões

carlos disse...

É como atesta o Roderick o disco realmente foi recebido com um certo desconforto por parte da crítica. Entretanto fez muito sucesso com a sua mistura de prog samba e rolou muito no Rio na rádio Eldopop, circa 76/77, e é um álbum muito bom, o Patrick Moraz foi um substituto à altura pro Rick Wakeman no Yes, basta lembrar que o "Relayer" está entre os seus melhores e mais populares trabalhos.

Muito grato pelo post!

Kisses and arms.

Carlos Albuquerque.